Apartamento Masculino e com Bicicletas

Sabe quando você entra na casa de uma pessoa e vê que o ambiente é realmente a cara dela? Hoje vamos mostrar para vocês um apartamento assim, com a carinha do dono.

Terminamos essa obra há pouco tempo, fizemos tudo do comecinho. Pegamos as chaves junto com o nosso cliente e já começamos a trabalhar. Depois de algumas reuniões, já sentimos exatamente o que ele queria: um apartamento cheio de estilo que teria como morador não só o cliente, mas também suas bicicletas e aventuras.

As bicicletas foram o ponto principal desse apartamento. Elas ficam logo na entrada, na sala de estar. Para dar ainda mais destaque as moradoras, trouxemos o revestimento Origami da Castelatto e uma parede com uma tinta Suvinil que imita concreto aparente. Um cantinho de leitura foi criado um a poltrona e mesinhas de apoio da Loja Estar Móveis.

 

Na planta original do apartamento já tínhamos a cozinha integrada com a sala, criamos então um móvel de tv com painel ripado e uma bancada para refeições rápidas. As cadeiras Eames Wood, sempre muito modernas, comporam muito bem o ambiente.

 

 

A madeira continuou do móvel da TV e foi para a parede, ligando a sala de estar com o home office. Esse local antigamente era um quarto, que foi demolido para dar mais amplitude a sala, e criar um ambiente gostoso para trabalhar em casa.

Por se tratar de um apartamento pequeno, cada centímetro conta! A parede que antes dividia os dois quartos também foi demolida, a nova divisão é feita apenas pelo guarda-roupa com o fundo de madeira. Ganhamos 15cm nessa, parece pouco, mas sem ele não conseguiríamos abrir o sofá cama da sala de estar!

 

 

Ao lado do home office temos um móvel muito especial, ele conta com algumas gavetas e espaço para a futura adega. E o mais importante: um quadro com as plaquinhas de todas as corridas que o nosso querido cliente já participou. E essa plaquinha “Segura pra mim?” não é demais ?! (compramos ela na Tok Stock)

 

 

Além de ser um espaço de convivência, a varanda também é uma extensão da sala, cozinha e é a própria área de serviço. A marcenaria foi toda feita em MDF grafite, bem masculino.

A mesa de jantar fica nesse ambiente, foi comprada na loja Estar Móveis que fica na Alameda Gabriel Monteiro da Silva. Tomamos o cuidado de escolher um modelo com pés em aço, que permite que a varanda seja lavada sem problemas. Essa mesinha hexagonal serve tanto como mesinha de apoio, como banco, super versátil. Ela foi criada pelas designers Karin e Marcela do instagram @kmm_design

 

 

A suíte ficou super confortável, a cabeceira em preto trouxe o mesmo tom que usamos na área social do apartamento. Os criados mudo em madeira tem rodízios para facilitar o manuseio, e um nicho na parte superior, para guardar itens de uso rotineiro.

 

 

 

 

Apartamento Decorado no Itaim

Um apartamento leve, com lugares de convivência para a sua família, era o que queria a nossa cliente Adriana quando entrou em contato com a gente. A sua casa estava precisando de uma repaginada.

Um pouco traumatizada com a última reforma, a Adriana resolveu chamar uma arquiteta para descomplicar esse assunto.

Os principais focos na reforma eram os quartos de seus filhos, uma menina e um menino adolescentes. Os seus quartos já não estav
am de acordo com o estilo de cada um. A sala de estar e TV também entraram no jogo.

 

Quarto menina

 

Com todo o cuidado para atualizar o estilo do seu quarto, a bancada de estudos foi aumentada. Tomamos muito cuidado com a ergonomia, pois a antiga não era muito confortável. A antiga prateleira foi mantida, mas pintada em laca, assim como o seu guarda roupa.

 

Antes e Depois Quarto Menina

 

Para a cama, fizemos uma cabeceira em madeira de demolição em toda a parede, dando maior amplitude ao quarto. Nessa cabeceira prevemos uma prateleira para quadros. Ficou um charme e a cliente AMOU!

 

Antes e Depois Quarto Menina

 

 

 

Quarto menino

 

O filho da Adriana ama video game e receber os amigos. A distribuição dos móveis não permitia uma circulação agradável, com a mudança da posição da cama, agora temos espaço para vários amigos. De baixo da nova cama, temos 2 futons que quando abertos viram colções de solteiro ou mais espaço para sentar. Os móveis existentes como o guarda-roupa e a bancada de estudos foram mantidos, pintados em laca branca e ficaram novinhos!

 

Antes e Depois Quarto Menino

 

 

 

Sala de TV

 

A sala de TV estava muito escura, o móvel em madeira estava pesando muito no ambiente. Ele foi reformado e pintado em laca branca. As chaises estavam com tecido e espuma gastas, que também foram reformadas.

 

Antes e Depois Sala de TV

 

 

 

Sala de estar

Adriana e sua família amam receber amigos em casa, então o objetivo da sala seria deixar o lugar convidativo. A mudança começou com o hall de entrada, ele tinha uma divisão com uma parede, que foi retirada, deixando a sala mais ampla. O antigo bar da sala foi retirado, dando espaço para um sofá table com espaço para as taças, bebidas e até o frigobar.

 

Antes e Depois Sala de Estar

 

 

 

Hall de entrada

Para ampliar o Hall de entrada, retiramos uma parede de divisão, isso já deixou o ambiente muito mais interligado.

O piso de madeira tem tendência a escurecer com o tempo, fizemos uma raspagem, que além de deixar o piso mais claro, tira todos os riscos existentes.

 

Antes e Depois Hall de Entrada

 

 

 

Lavabo

O antigo lavabo era vermelho e muito cansativo. Trouxemos a cor preferida da Adriana para esse ambiente: o verde! A bancada também foi trocada para a madeira, e para deixar o ambiente mais amplo, foi instalado um espelho grande, com iluminação embutida. Ficou uma graça!

 

Antes e Depois Lavabo

 

 

 

Temos uma pasta inteirinha de Antes e Depois no instagram

https://br.pinterest.com/danyelacorrea/meus-trabalhos-antes-e-depois/

 

 

Gostou desse projeto? Ficou com dúvida ou tem uma sugestão de assunto? Comente aqui em baixo!

Veja nossos perfis no Facebook e Instagram e fique por dentro de todas as novidades do escritório!

https://www.facebook.com/DanyelaCorreaArquiteta/

https://www.instagram.com/danyelacorrea.arquiteta/

Neolith – Tudo o que você precisa saber

Hoje recebemos uma visita muito especial da Dayane, da empresa Alicante, representante do Neolith no Brasil. Ela nos explicou quais são as principais características desse material tão falado na Expo Revestir de 2017.

 

 

A Neolith existe a 14 anos, mas no mercado brasileiro existe a 6 anos. A empresa apresentou na 15ª edição da Expo Revestir, os Chefs Especiais (projeto social que quem vai para a cozinha são jovens portadores de Síndrome de Down), que faziam ao vivo comidas deliciosas e de cara já provavam a qualidade do Neolith instalado em seu stand. O uso de facas e maçaricos era feitos direto no material, mostrando toda a sua resistência.

 

Bancada e parede em Neolith

 

Do que e como é feito ?

Com fabricação espanhola, apenas materiais naturais são usados na produção das peças.

São usados em médias 12 tipos de minerais, que são triturados até virarem pó, além da argila que entra para dar liga a massa. Após esse processo, o material é submetido a uma ultra compactação com toneladas de peso, que não permite que fique espaço para oxigênio, deixando a peça não porosa. E para finalizar, a queima é feita a mais de 1.200° em um forno especial.

Bancada e paredes em Neolith

 

Onde pode ser utilizado?

Desde revestimento para pisos, paredes, mobiliários, até bancadas de cozinhas. O Neolith trabalha com espessuras de 3mm, 5mm , 6mm e 12mm que atendem superfícies diversas, podendo até serem usados em fachadas expostas ao sol sem problemas.

 

Bancada de cozinha com Neolith

 

Medidas Existentes

A Alicante, representante da Neolith no Brasil, vende as peças em 2 tamanhos 3.20×1.50 e 3.60×1.20.

Os cortes do material deve ser feito em marmoraria com mão de obra especializada.


 

Vantagens

Sem problemas com riscos: Devido a sua fabricação, a superfície fica tão resistente que só pode ser riscada com materiais diamantados. O nível de dureza desse material é maior que os granitos e pedras convencionais.

Sem manchas: Por ser um material não poroso, nenhum liquido é absorvido, garantindo sua cor por muito e muitos anos.

Totalmente natural: Não utiliza substâncias nocivas e pode ser reciclado

Resistente a fogo e altas temperaturas: Não mancha e não queima

Super Higiênico: Por não ser poroso, não permite a proliferação de mofo, fungos e bactérias.

Pode ser usado em ambientes externos: Não sofre com os raios UV e mudança de temperaturas.

Resistente ao desgaste: Devido sua dureza, faz com que seja altamente resistente a riscos, ao raios UV e à mudanças bruscas de temperatura.

Resistente a produtos químicos: Superfície não porosa que impede que a sujeira e líquidos penetrem no material. É resistente à manchas e é fácil de limpar.

 

Mesa corporativa revestida com Neolith

Neolith na parede e piso

Banheiro com cuba e gabinete em Neolith

 

Bancada do banheiro em Neolith

Fachada em Neolith

 

Salas de Banho

Estou projetando uma casa maravilhosa atualmente e claro que na suite master nao poderia faltar uma sala de banho. E com todo este calor da uma vontade de ficar imersa o tempo todo, não? Então busquei algumas referencias para compartilhar com vocês.

Nesta reportagem temos banheiros que foram transformados em elegantes salas de banho, lugar perfeito para revigorar as energias. Vamos nos inspirar e sonhar? http://abr.io/1wIw

Parede texturizada. A superfície recebeu uma massa (Terracor) de aparência próxima à do limestone do piso. Essa opção representa uma economia de tempo e matéria-prima. Nicho iluminado. Um rasgo na alvenaria (2,36 m x 7,5 cm, altura de 36,2 cm) expõe objetos sob a luz de dicroicas embutidas (Wall Lamps). Acessórios da Ducha e da Vallvé. O ambiente, com paredes texturizadas, prima pelos tons tranquilos e pela linguagem limpa, garantida pelas chapas de limestone Mont Dore, que compõem bancadas, nichos e ofurô.“Os moradores queriam um lugar acolhedor e romântico”, diz Ricardo Miura. “Nossa ideia foi oferecer mais um espaço de estar dentro da casa.”

Claridade abundante. A claraboia no teto capta a luminosidade natural. Já os spots embutidos no recorte retangular do espelho e na caixa de gesso garantem luz suficiente para o uso da bancada. Paredes acolhedoras. Elas receberam tecnocimento na cor areia (NS Brazil). O acabamento requer superfícies secas e livres de fissuras para uma aplicação sem emendas. Toalheiros cromados da Punto. Boxe generoso. Na área de 2,60 x 1,25 m, fechada com vidros fixos e uma porta de 60 cm de largura, foi possível acomodar dois chuveiros de teto. Eles e os misturadores são da linha Izy (Deca). Bancada inteiriça. Composta de uma única peça de Corian (fornecido pela Ornare), tem cuba esculpida no próprio material. Observe que no armário de resina barbante os puxadores são cavados. Piso setorizado. Pastilhas de mármore Gavi Colore Anticato (Mosarte) recobrem a área molhada, enquanto o trecho em frente à bancada foi revestido de canela clareada de demolição (Casulo Design). No apartamento de um solteiro, em São Paulo, reformado pela arquiteta Carolina Rocco, este banheiro ganhou a madeira de demolição do piso, o tecnocimento, que reveste as paredes, e as pastilhas de mármore do boxe. O ambiente conta ainda com boas soluções de arquitetura de interiores, como a caixa de gesso acima da bancada, que esconde o ar-condicionado do quarto e embute a iluminação.

Integração parcial. Embora os equipamentos sejam individuais, o boxe do casal é um espaço sem separação interna. Os toaletes, por sua vez, ficam isolados (veja planta). Toalhas da Trousseau. Banho sob a luz. No mesmo rasgo do teto em que foram instalados os chuveiros Cromo (Deca), o arquiteto embutiu pontos de luz. Um sistema semelhante (Wall Lamps) foi replicado acima da bancada. Antes de tamanho convencional, o banheiro da suíte deste apartamento paulistano virou um espaço luxuoso, no qual há chuveiros e toaletes privativos para o casal de proprietários, além de hidromassagem e área de convívio. Projeto de Roberto Migotto.

via Casa.com.br

DIY: “Ladrinho hidráulico”

Olha só que idéia mais pratica para atualizar a cara do banheiro sem quebra-quebra e sem mto $$. E ai que tal aproveitar o fim de semana?

A carioca Thalita Carvalho, autora do blog Casa de Colorir, queria colocar ladrilhos hidráulicos em seu banheiro. Para evitar o quebra-quebra, ela teve uma ideia muito mais simples, mas com resultados surpreendentes.

Por Vanessa Lima
Divulgação

Quem mora em uma casa ou apê de aluguel sabe: nem sempre dá para realizar todas as reformas que você gostaria. No entanto, como já dissemos aqui em Casa e Jardim, isso não é empecilho para deixar o cantinho com a sua cara. Que o diga a criativa blogueira Thalita Carvalho, autora do blog Casa de Colorir.

Um dos sonhos da publicitária de 27 anos era revestir a parede do banheiro comladrilhos hidráulicos. Só que o trabalho e os gastos que seriam dispensados para comprar as peças, quebrar as paredes e trocar tudo não compensariam. Ela, então, encontrou outra solução. Inspirada pelo blog Decoeuração, de Vivianne Pontes, Thalita decidiu escolher as estampas na internet, juntar tudo em um arquivo e encomendar em uma gráfica a impressão das figuras em adesivo vinílico. Em seguida, ela conta mais detalhes em um bate-papo exclusivo com o site de Casa e Jardim. Mais abaixo, um vídeo mostra como foi todo o processo. Confira!

Divulgação

O antes e depois do banheiro

Casa e Jardim Online – Como surgiu essa ideia de fazer os adesivos? Você queria azulejos de verdade, a princípio?
Thalita Carvalho – 
As inspirações chegam de diferentes fontes: de amigos, de outros blogs, de filmes e fotos. Com os azulejos não foi diferente. Sempre namorei aqueles ladrilhos hidráulicos lindos e coloridos, mas como moro em um apê alugado, ter um banheiro com eles era um sonho distante. Até que um dia, vi uma parede parecida na casa da Vivianne Pontes, tambem blogueira [do Decoeuração]. Nao resisti e resolvi fazer o projeto lá em casa, mas com figuras escolhidas a dedo por mim mesma, pois essa é a graça do projeto: selecionar as imagens que têm algum significado para você.

CJ – Qual foi a maior dificuldade do projeto? É complicado colar os adesivos?
TC – 
A maior dificuldade é conseguir fechar o arquivo com as figuras para imprimir. Eu usei 49 imagens diferentes, pesquisadas na internet, que estavam cada uma de um tamanho. É complicado colocar todas as figuras lado a lado, do mesmo tamanho e alinhadas, para facilitar a impressão e o corte depois. Passei uns três dias fazendo isso, aos poucos. Se o adesivo for impresso numa folha só, como eu fiz, e estiver com as imagens alinhadas, é só passar o estilete e pronto. Colar os adesivos na parede é igual a colar figurinha num álbum: tem que mirar nas linhas da borda e tomar cuidado pra não dar bolha. Todo mundo já fez isso na vida, né?

CJ – Que dicas você dá para quem quiser copiar sua ideia em casa? Quais cuidados a pessoa deve tomar?
TC –
 Imprimir em adesivo vinil é importante para que a umidade do banheiro não desgaste o papel. Quando for retirar o adesivo para colar no azulejo, tome cuidado para não dobrar muito a pontinha e fazer uma espécie de orelha, sabe? Se ficar muito marcado, quando você for colar o adesivo na parede essa pontinha vai ficar descolando. É importante também que a parede esteja bem limpa e sem gordura para que a aderência do adesivo seja perfeita.

Assistam o video:  http://vimeo.com/20282769

Sala de Banho

A arquiteta e designer de interiores Consuelo Jorge criou uma sala de banho Missoni Home na vitrine da Vallvé em São Paulo. Sempre preocupada com os acabamentos e a harmonia na concepção dos seus projetos, a arquiteta afirma que adorou a proposta: “Quando a gente trabalha com produtos lindos e de boa qualidade é tudo muito mais fácil”, revela.

Inspirada nas águas do mar, a arquiteta revestiu os lavatórios cilíndricos Trayda da Vallvé com tecidos Linares da Missoni Home, cuja estampa lembra as ondas do mar. A chaise colorida, com tecido Lomboki, tem desenho de peixes estilizados e fica ao lado do deck azul turquesa que representa o mar. Para Consuelo, o azul turquesa é uma tendência muito forte, e transmite uma sensação de aconchego ao ambiente.

A luminária Buble da Missoni Home, em tecido dourado, simboliza o sol e, como uma bola de fogo, ilumina a banheira BM Surface da Vallvé. Também compõem o ambiente dois armários pivotantes com espelho, perfeitos para acomodar as toalhas coloridas da Missoni Home.

Fonte: Radar Decoracao

Categoria: Blog · Tags: , , , ,