Apartamento Masculino e com Bicicletas

Sabe quando você entra na casa de uma pessoa e vê que o ambiente é realmente a cara dela? Hoje vamos mostrar para vocês um apartamento assim, com a carinha do dono.

Terminamos essa obra há pouco tempo, fizemos tudo do comecinho. Pegamos as chaves junto com o nosso cliente e já começamos a trabalhar. Depois de algumas reuniões, já sentimos exatamente o que ele queria: um apartamento cheio de estilo que teria como morador não só o cliente, mas também suas bicicletas e aventuras.

As bicicletas foram o ponto principal desse apartamento. Elas ficam logo na entrada, na sala de estar. Para dar ainda mais destaque as moradoras, trouxemos o revestimento Origami da Castelatto e uma parede com uma tinta Suvinil que imita concreto aparente. Um cantinho de leitura foi criado um a poltrona e mesinhas de apoio da Loja Estar Móveis.

 

Na planta original do apartamento já tínhamos a cozinha integrada com a sala, criamos então um móvel de tv com painel ripado e uma bancada para refeições rápidas. As cadeiras Eames Wood, sempre muito modernas, comporam muito bem o ambiente.

 

 

A madeira continuou do móvel da TV e foi para a parede, ligando a sala de estar com o home office. Esse local antigamente era um quarto, que foi demolido para dar mais amplitude a sala, e criar um ambiente gostoso para trabalhar em casa.

Por se tratar de um apartamento pequeno, cada centímetro conta! A parede que antes dividia os dois quartos também foi demolida, a nova divisão é feita apenas pelo guarda-roupa com o fundo de madeira. Ganhamos 15cm nessa, parece pouco, mas sem ele não conseguiríamos abrir o sofá cama da sala de estar!

 

 

Ao lado do home office temos um móvel muito especial, ele conta com algumas gavetas e espaço para a futura adega. E o mais importante: um quadro com as plaquinhas de todas as corridas que o nosso querido cliente já participou. E essa plaquinha “Segura pra mim?” não é demais ?! (compramos ela na Tok Stock)

 

 

Além de ser um espaço de convivência, a varanda também é uma extensão da sala, cozinha e é a própria área de serviço. A marcenaria foi toda feita em MDF grafite, bem masculino.

A mesa de jantar fica nesse ambiente, foi comprada na loja Estar Móveis que fica na Alameda Gabriel Monteiro da Silva. Tomamos o cuidado de escolher um modelo com pés em aço, que permite que a varanda seja lavada sem problemas. Essa mesinha hexagonal serve tanto como mesinha de apoio, como banco, super versátil. Ela foi criada pelas designers Karin e Marcela do instagram @kmm_design

 

 

A suíte ficou super confortável, a cabeceira em preto trouxe o mesmo tom que usamos na área social do apartamento. Os criados mudo em madeira tem rodízios para facilitar o manuseio, e um nicho na parte superior, para guardar itens de uso rotineiro.

 

 

 

 

Apartamento Decorado no Itaim

Um apartamento leve, com lugares de convivência para a sua família, era o que queria a nossa cliente Adriana quando entrou em contato com a gente. A sua casa estava precisando de uma repaginada.

Um pouco traumatizada com a última reforma, a Adriana resolveu chamar uma arquiteta para descomplicar esse assunto.

Os principais focos na reforma eram os quartos de seus filhos, uma menina e um menino adolescentes. Os seus quartos já não estav
am de acordo com o estilo de cada um. A sala de estar e TV também entraram no jogo.

 

Quarto menina

 

Com todo o cuidado para atualizar o estilo do seu quarto, a bancada de estudos foi aumentada. Tomamos muito cuidado com a ergonomia, pois a antiga não era muito confortável. A antiga prateleira foi mantida, mas pintada em laca, assim como o seu guarda roupa.

 

Antes e Depois Quarto Menina

 

Para a cama, fizemos uma cabeceira em madeira de demolição em toda a parede, dando maior amplitude ao quarto. Nessa cabeceira prevemos uma prateleira para quadros. Ficou um charme e a cliente AMOU!

 

Antes e Depois Quarto Menina

 

 

 

Quarto menino

 

O filho da Adriana ama video game e receber os amigos. A distribuição dos móveis não permitia uma circulação agradável, com a mudança da posição da cama, agora temos espaço para vários amigos. De baixo da nova cama, temos 2 futons que quando abertos viram colções de solteiro ou mais espaço para sentar. Os móveis existentes como o guarda-roupa e a bancada de estudos foram mantidos, pintados em laca branca e ficaram novinhos!

 

Antes e Depois Quarto Menino

 

 

 

Sala de TV

 

A sala de TV estava muito escura, o móvel em madeira estava pesando muito no ambiente. Ele foi reformado e pintado em laca branca. As chaises estavam com tecido e espuma gastas, que também foram reformadas.

 

Antes e Depois Sala de TV

 

 

 

Sala de estar

Adriana e sua família amam receber amigos em casa, então o objetivo da sala seria deixar o lugar convidativo. A mudança começou com o hall de entrada, ele tinha uma divisão com uma parede, que foi retirada, deixando a sala mais ampla. O antigo bar da sala foi retirado, dando espaço para um sofá table com espaço para as taças, bebidas e até o frigobar.

 

Antes e Depois Sala de Estar

 

 

 

Hall de entrada

Para ampliar o Hall de entrada, retiramos uma parede de divisão, isso já deixou o ambiente muito mais interligado.

O piso de madeira tem tendência a escurecer com o tempo, fizemos uma raspagem, que além de deixar o piso mais claro, tira todos os riscos existentes.

 

Antes e Depois Hall de Entrada

 

 

 

Lavabo

O antigo lavabo era vermelho e muito cansativo. Trouxemos a cor preferida da Adriana para esse ambiente: o verde! A bancada também foi trocada para a madeira, e para deixar o ambiente mais amplo, foi instalado um espelho grande, com iluminação embutida. Ficou uma graça!

 

Antes e Depois Lavabo

 

 

 

Temos uma pasta inteirinha de Antes e Depois no instagram

https://br.pinterest.com/danyelacorrea/meus-trabalhos-antes-e-depois/

 

 

Gostou desse projeto? Ficou com dúvida ou tem uma sugestão de assunto? Comente aqui em baixo!

Veja nossos perfis no Facebook e Instagram e fique por dentro de todas as novidades do escritório!

https://www.facebook.com/DanyelaCorreaArquiteta/

https://www.instagram.com/danyelacorrea.arquiteta/

Cimento queimado

Você já ouviu falar em piso de cimento queimado? Sabe o que é? Vamos explicar um pouco sobre esse revestimento que está super em alta nas casas brasileiras.

Ouvindo o nome queimado já imaginamos que se trata de uma instalação difícil, que envolve fogo, mas para a nossa surpresa, a queima significa a técnica de se jogar cimento em pó em cima da massa de argamassa ainda molhada.

 

DanyC_apDetroit 018

Piso em cimento queimado – Danyela Corrêa Arquitetura e Interiores

 

Primeiro, onde podemos instala-lo? Ele resiste a ambientes úmidos?

Ele resiste a ambiente úmidos e pode ser instalado até em partes externas, em banheiros, cozinhas ou áreas de serviço. Mas exige um cuidado maior, pois é um piso liso, e quando molhado fica escorregadio. O melhor é mesclar com outros revestimentos, como pastilhas ou ladrilho hidráulicos, assim podemos evitar acidentes. Ele pode ser usado em toda a casa!

 

 

6564544836d1399094269baddd486a5f

Parede em cimento queimado – Fonte: Pinterest

 

É possível aplica-lo por cima de outro revestimento?

Como é um revestimento muito fino – cerca de 4mm – é indicado a remoção de qualquer piso existente para depois instala-lo. Qualquer desnível fica muito aparente com o cimento queimado. Então o melhor é que ele seja aplicado direto no contrapiso, e antes deve ser feito um acerto de nível, para que o novo piso fique bem lisinho.

 

Cimento queimado - Diego Revollo

Piso em cimento queimado – Fonte: Diego Revollo

 

Qual é a diferença entre o cimento queimado e o tecnocimento?

Cimento queimado é feito com a massa artesanal, ela é mais sujeita a manchas e trincas, para quem busca um estilo mais rustico, esse é o ideal. Mas para quem prefere ter um piso mais homogêneo, é recomendado o uso do tecnocimento, se trata de uma massa pré fabricada e com aditivos, que deixam o revestimento mais resistente e versátil. Além disso, não é necessário o uso de juntas de dilatação, claro que para não aparecer trincas, é necessário que o contrapiso esteja firme e nivelado.

 

DanyC_apDetroit 009

Piso em cimento queimado – Danyela Corrêa Arquitetura e Interiores

 

Como podemos evitar as trincas?

As trincas acontecem devido a dilatação e retração do cimento, isso acontece com o calor e o resfriamento do local. Para evitarmos esse tipo de problema o ideal é o uso de juntas de dilatação, que podem ser feitas em madeira, plástico ou de metal, e devem estar a no máximo 1 metro de distância entre elas.

Como evitar as manchas?

Elas acontecem devido a um fenômeno chamado eflorescência, que é a liberação de gases pelo cimento, que chegam a superfície e causam as manchas. Pisos expostos ao sol também têm maior tendência de não ficarem homogenias. Para evitar esses problemas, a cura do cimento deve ser feito de forma lenta, e é preciso escolher materiais de qualidade. Optar por massas pré-fabricadas resolvem muitos problemas com esse tipo de piso.

 

DanyC_apDetroit 002

Piso em cimento queimado – Danyela Corrêa Arquitetura e Interiores

 

Posso aplicar o piso sozinho?

Apesar da facilidade com a instalação, é necessário a contratação de mão-de-obra especializada, a fim de evitar problemas futuros.

 

Cimento queimado - Eduarda Corrêa

Piso em cimento queimado – Fonte: Eduardo Corrêa

 

E os pisos com cimento colorido? Como são feitos?

Para conseguir um piso com coloração, é utilizado pigmentos na própria massa. É possível encontrar massas pré fabricadas com algumas opções de cores. O piso branco fica com maior regularidade de cor quando comparado com os demais. Para atingir essa cor é necessário usar cimento branco e pó de mármore junto da argamassa.

Quanto tempo depois da instalação o local não pode ser utilizado?

É recomendado que o local fique de 3 a 10 dias em isolamento, esse tempo é necessário para que o cimento seja curado. Esse termo é usado para o processo que desacelera a evaporação de água do concreto, quando bem feito, pode aumenta a resistência do concreto em até 30%. O local deve ser mantido úmido e coberto até a sua finalização. Por isso é tão importante esse tempo de isolamento do piso.

 

Cimento queimado - Carlos Rossi

Piso em cimento queimado – Fonte: Carlos Rossi

 

Como deve ser feita a manutenção do piso? Ele é durável?

Para a limpeza deve ser usada água e sabão neutro, existem no mercado algumas ceras liquidas ou em pasta que dão brilho ao piso. Para o acabamento do piso é recomendado a aplicação de uma camada de resina acrílica que ajuda na impermeabilização, protegendo da ação da água. Quando feito por profissionais especializados e com manutenção adequada, esse piso pode durar por muito e muitos anos.

 

Eai, ficou com vontade de reformar a casa toda? rs

Se tiver com alguma dúvida, comente aqui em baixo.

 

Veja nossos perfis no Facebook e Instagram e fique por dentro de todas as novidades do escritório!

 

https://www.facebook.com/DanyelaCorreaArquiteta/

https://www.instagram.com/danyelacorrea.arquiteta/

 

 

Concretismo

No post anterior comentei que meu tema este ano na mostra Jovens Profissionais 2012 é o Concreto.

Minha proposta foi uma releitura deste material com o uso de novos revestimentos que o reproduzem como o porcelanato e o adesivo, e uma homenagem ao movimento Concretismo.

O Concretismo marcou a década de 50 na cidade de São Paulo e influenciou a produção local de arte, literatura, design e, principalmente, a arquitetura. Ainda hoje podemos reconhecer fortes características dele na produção contemporânea, como: abstracionismo, rigor geométrico e o uso de materiais industrializados (ferro, alumínio, vidro e o próprio concreto.) No painel temos uma poesia deste movimento escrita por Haroldo de Campos que se sobrepõe a uma imagem baseada em sua essência.

Confiram o resultado:

Um pouquinho da historia do concreto em Sao Paulo:

Nos anos 40 do século XX São Paulo vive um “boom” imobiliário, e de re-construção da cidade, era necessário uma tecnologia que atendesse essa demanda e principalmente que permitisse atender a verticalização, que passou a nortear o desenvolvimento urbano da cidade. O primeiro edifício em concreto armado da cidade foi o Edifício Guinle, na Rua Direita, construído entre 1913  1916.

O Concreto é composto de uma mistura de água, pedra, cimento e brita. Endurecendo em formas com estruturas de barras de aço armado. Tem boa durabilidade e com bons cálculos suporta grandes cargas.

A industrialização, a produtividade e o crescimento da cidade fizeram do concreto o material mais apropriado da arquitetura moderna da cidade.

Esta arquitetura é uma referência internacional apresentando ícones da arquitetura de grandes nomes como:

Gregori Warchavchik, Rino Levi, Henrique Mindlin, Abelardo de Souza, Francisco Beck, Vilanova Artigas, Carlos A. Gomes Cardim Filho, Eduardo Kneese de Mello, Oswaldo Arthur Bratke, Zenon Lotufo, Ícaro de Castro Mello, Rodolpho Ortenblad Filho, Oswaldo Côrrea Gonçalves, Hélio Duarte, Carvalho Mange, Eduardo Corona, Philipp Lohbauer, Oscar Niemeyer Gilberto M. Tinoco, Ibsen Pivatelli, Luciano Gomes Cardim, Lina Bo Bardi, e Paulo Mendes da Rocha, entre outros, que é impossível citar neste painel.

via Jovens Profissionais