Iluminação – LED e inspirações

Continuando o post anterior sobre Iluminação, vamos falar sobre os LEDs, os novos queridinhos da iluminação.

DanyC_apDetroit 029

Cabeceira com Fita de LED embutido

Na verdade os LEDs não são tão novinhos assim, eles estão presentes na nossa vida a tempos, no relógio digital, na luzinha da TV, rádio. A sua origem foi no ano de 1963 apenas na cor vermelha.

Depois de muitos estudos, essa tecnologia foi incluída nas lâmpadas, telas de TV, celulares e diversos outros lugares. Mas ainda há muito o que melhorar, e com certeza ouviremos muitas novidades sobre eles em breve.

 

As vantagens desse tipo de lâmpadas são muitos:

– Elas têm a vida útil muito maior que qualquer outro tipo, chegando até a 50.000 horas de uso! Fazendo com que o gasto com manutenção seja mínimo.

– Como utilizam baixa voltagem, não oferecem riscos na hora da instalação.

– É resistente a impactos, pois não usam filamentos internos para funcionarem

– Possuiu alta eficiência luminosa, apesar de ainda não ser a melhor nesse quesito. Podendo ser comparada as lâmpadas fluorescentes.

– Não usam mercúrio para seu funcionamento, sendo ecologicamente correta e não trazendo danos a natureza.

– Não causam danos a quadros e obras de artes, pois não emitem radiação infravermelha.

– São mais econômicas, pois não perde energia em forma de calor.

 

Alguns modelos de LED já podem ser dimmerizados, mas isso deve ser verificado no ato da compra, pois é variável de acordo com o modelo e fabricante. Abaixo veja um exemplo de como identificar se o produto tem essa possibilidade.

dimmer

LED dimmerizável. Fonte BlueLux

 

 

Com todas essas vantagens, a substituição dos antigos modelos por LEDs é cada dia maior. Elas já estão substituindo as lâmpadas dicroicas, PAR20, PAR30, incandescente comum, lâmpada balão e até tubos similares a fluorescentes.

LEDS

O custo inicial para a utilização de LEDs é maior que os outros, porém, as suas vantagens como a sua longa vida útil, faz com que o seu custo-beneficio seja melhor que as suas concorrentes.

Um ponto de desvantagem dos LEDs é o Índice de Reprodução de cor. Esse índice determina a fidelidade com que as cores de uma fonte de luz artificial é reproduzida, sendo uma escala de 0 a 100. Em outras palavras, quanto maior o índice, melhor podemos ver as cores reais dos objetos. A luz do sol tem o índice 100, já o LED tem em média 80, variando de acordo com o fabricante. Isso torna ainda mais importante a compra de mercadoria com melhore qualidade como os LEDs Philips e Osram. Veja abaixo os números de algumas lâmpadas existentes no mercado.

indice-de-reproducao-cor

IRC – Índice de Reprodução de Cor. Fonte Empalux

 

Precisamos tomar muito cuidado na hora de escolher o LED. Não existe uma normatização clara para a fabricação das lâmpadas, fazendo com que a qualidade seja afetada. É preferível investir um valor mais alto, a comprar um com origem duvidosa. Como ela se paga com o tempo, é necessário que dure bastante.

Portanto, busque bons profissionais para esse investimento tão importante, além de trazerem produtos de qualidade, a satisfação é certeira.

Está curtindo nossas publicações? Dê um like ou comente sobre o que você tem dúvida, teremos prazer em ajuda-los.

Veja agora algumas inspirações de projetos luminotécnicos que trouxeram vida ao local de instalação.

corredor

Iluminação decorativa com arandelas

 

Decora Brazil

Iluminação decorativa com Balizador no piso

 

DanyC_apDetroit 009

Iluminação na sala de jantar

 

abb5817e0fc272b95886c2792e5b87d7

Escada com iluminação no piso

 

Campo Belo-124

Cozinha com iluminação no forro

 

Campo Belo-137

Painel de TV iluminado

 

 

 

 

 

Revestir 2014

Esta semana aconteceu em SP a Expo Revestir 2014, que traz todo ano as novidades e lancamentos do setor de acabamentos e revestimentos.

Abaixo alguns destaques que chamaram a minha atenção:

Metais de banheiro não precisam ser mais cromados brilhantes, a feira trouxe em diversas linhas metais coloridos como dourado, ouro vermelho, cobre, bronze e Niquel – meu predileto – todos com opcao de acabamento fosco ou brilhante. Este sao da Hansgrohe, design por Philippe Starck. A marca alemã também trouxe metais assinados pela designer Patricia Urquiola.

Axor: Repensando na proposta do chuveiro como fonte de conforto e aconchego, a grife de design deste segmento Axor, do grupo Hansgrohe, traz o Axor Nendo LampShower, desenvolvida pelo estúdio Nendo. A peça é um híbrido de chuveiro e lâmpada destinado a uma sala de banho com intenção de oferecer uma proposta sensorial.(via CasaVogue)

Cores: Diversas marcas apresentaram uma cartela ainda maior de tons em seus produtos, a tendência foram tons pasteis como estes da Pavigres.

Porcebras: a marca trouxe porcelanatos ainda mais surpreendentes com texturas e uma qualidade de acabamento que fica mto dificil dizer o que realmente sao. Eles imitam tecidos, papel de parede e possue relevos e texturas com mto estilo.

A grande aposta deste ano, na minha opinião sao produtos com formato 3d que oferece volumetria para causar impacto no ambiente. “Ao aplicar este produto o ambiente já ganha uma vida e causa um efeito visual muito interessante.”(via NataliaNoleto)

Palimanan: veio com uma novidade fora do comum, a lamina Skinner é feita de pedra e é MALEÁVEL! Uma fina camada de pedra é sobreposta a uma camada de fibra de vidro o que permite revestir paredes, pisos e moveis e ate fazer curva com Pedra!

Cerâmica Atlas: Entre as pastilhas de porcelana que se destacam na nova coleção da marca está a série assinada pela artista plástica Tomie Ohtake, inspirada na essência da sua obra abstracionista. As peças no formato 7,5 x 7,5 cm podem ser encontradas em quatro cores que simbolizam os elementos da natureza: azul (água), vermelho (fogo), dourado (terra) e branco (ar). (via CasaVogue)

Deca: A Deca decidiu inovar mais ainda seus metais com a nova tecnologia D.coat, cuja finalidade é tornar os produtos mais resistentes a riscos e outros tipos de desgastes, além de apresentar novos acabamento e cores exclusivos: Gold, Gold Matte (foto), Red Gold, Black Noir, Black Matte e Inox.(via CasaVogue)

 Decotiles: Porcelanato que imita madeira pintada e lixada, lindo para ambientes casuais como uma casa de praia!